Marcadores:

Record - às 22:15h - Confira os capítulos de Vidas Em Jogo (31 a 03/02)

Terça, 31 de Janeiro: Cleber conduz Francisco em uma lancha

Patrícia pergunta por Regina durante a cesariana. Marcolino tenta dissuadir Carlos de avisar Regina sobre o parto, mas não tem sucesso. A empresária pergunta por Francisco e desespera-se com a possibilidade de seu neto nascer órfão. Regina e Tatiana correm para o hospital. Rita conta para Edmundo e Nelize que a polícia encontrou o carro de Cléber no cais e que o sequestrador deve ter fugido pelo mar. Nelize sugere que Francisco pode estar morto e Edmundo consola Rita. Cleber conduz Francisco em uma lancha.

O ex-policial garante ao milionário que ele e seus amigos terão o que merecem. Francisco pergunta a Cleber por que ele ainda não o matou e o sequestrador afirma que se trata de um jogo. Edmilson diz a Severino que precisa de clientes para oferecer contabilidade, já que não cuidará mais do Cariocas. Severino pergunta se a separação é para valer e Edmilson garante que sim. Renato e Grace suspeitam de que algo grave aconteceu para provocar o divórcio de Fátima e Edmilson. Fátima ameaça Zé por ter mordido sua bolsa, mas Grace argumenta que ela deve ter feito algo para provocá-lo.

Marizete fica extasiada ao encontrar sua bolsa que havia sido roubada, mas Marta e Fabinho não acusam Dila. Marta provoca Dila e sugere que ela avise Regina sobre o nascimento de Miguel. Marcolino acusa Regina de estar preocupada com Francisco apenas pelo dinheiro. Patrícia exige ver Miguel e, para acalmá-la, os médicos afirmam que o bebê está bem. Patrícia entra em convulsão. Regina fica tensa com a demora da cirurgia. Divina deixa Augusta constrangida ao perguntar sobre seu parto. Divina afirma que, para ela, Augusta sempre foi a mãe de Raimundo.

Cleber telefona para Regina da lancha. A empresária conta para ele que Miguel está nascendo e Francisco se desespera. Regina implora para que o ex-namorado solte Francisco. O milionário aproveita um momento de distração de Cleber e o acerta na cabeça. Francisco luta com o piloto pelo controle da lancha. A arma de Cleber é arremessada ao mar e ele ataca Francisco. O milionário faz uma manobra brusca com o barco e os três são jogados ao mar. Marizete questiona a presença de Regina no hospital, mas Tatiana defende a mãe. Cleber e o piloto perseguem Francisco a nado até uma ilha.

Zizi diz a Rita que se Cleber quisesse matar Francisco já o teria feito. Margarida pergunta a Valdisnei se ele tem certeza que quer se mudar e ele afirma que sim. Elton intimida Valdisnei e o impede de contar sobre a parceria dele com Regina. Carlos avisa a todos que a polícia encontrou uma lancha em que Francisco poderia estar. Marizete ameaça Regina. Francisco chega à ilha e se depara com um capanga de Cleber. Desesperado, Francisco pede que o ex-policial o mate logo. Cleber instrui o capanga a esconder as armas, caso a polícia faça uma busca no local. Ele diz que se esconderá com Francisco na mata. Para alívio de todos, a médica comunica que Miguel está bem. Regina pergunta pelo estado de Patrícia.

Quarta, 01 de Fevereiro: Patrícia tem um pesadelo com Cleber

A médica diz a Regina que Patrícia sofreu uma eclampsia e está em coma. Marizete pergunta por Miguel e a médica informa que o bebê está bem, mas terá que ficar na UTI. Regina pede para ver a filha. Francisco diz a Cleber que a polícia os encontrará e oferece todo o seu dinheiro em troca de poder ver seu filho. O piloto e o capanga de Cleber negam a polícia que tenham visto qualquer movimento suspeito na ilha. Francisco consegue escapar de Cleber e se embrenha na mata. O ex-policial o persegue e atira de raspão nele.

Francisco diz que não pode deixar seu filho orfão e se entrega. Regina conversa com Patrícia inconsciente e afirma que não pode viver sem ela. Edmundo se sente culpado por ter permitido que Patrícia fosse atrás de Francisco e garante que o irmão conseguirá se salvar. Valdisnei conta para Severino que Elton confessou ter matado Andrea a mando de Regina. Margarida se chateia com a insensibilidade de Elton diante da situação de Francisco. Valdisnei diz a Severino que Elton o ameaçou após descobrir que ouvira uma conversa entre ele e Regina.

Severino ameaça ir à delegacia, mas Valdisnei implora que ele não faça isso sob o risco de colocar a sua vida e a de Margarida em perigo. O dono do restaurante garante que eles encontrarão um jeito de desmascarar Elton. Ernesto planeja instalar equipamentos de vigilância para flagrar a parceria entre Regina e Elton. Ele pede para que Divina o ajude a entrar no apartamento de Margarida e ela concorda. Nelize pressiona Edmundo para ir embora da casa de Francisco, mas o rapaz se recusa. Rita culpa Regina pelo sequestro de Francisco. Carlos afirma que Cleber não matará Francisco. Marcolino fala para Rita que ela pode se sentir aliviada com a situação de Patrícia, pois assim teria Francisco só para ela.

Rita garante que espera que Patrícia se recupere. Regina se recusa a sair de perto da filha. Patrícia tem um pesadelo com Cleber. Rita e Regina discutem. Cleber dispensa o dinheiro de Francisco e diz que quer ver Regina sofrer. A médica tranquiliza Regina porque Patrícia não sofreu danos cerebrais. Nelize acusa Francisco de ter acabado com a paz dela e de seus filhos. Edmundo e Marcolino afirmam que não deixarão a mansão sem ter notícias de Francisco. Nelize obriga Marcolino, menor de idade, a fazer suas malas.

Welligton e Cacau voltam da lua-de-mel após saberem do sequestro. Fátima conta que se separou de Edmilson. Edmilson vai morar na casa de Severino. Daniel pergunta a Divina se Ernesto não lhe contou que foi ele quem agrediu o amante da mãe. Elton dá um remédio para Magarida sob o pretexto de que ela precisa dormir. Divina fica chateada com a frieza com que é tratada por Daniel e Jaqueline. Severino pergunta novamente se é o pai de Jaqueline e admite ter medo de que Ernesto faça o exame de DNA. Severino conta para Divina que Elton confessou a Valdisnei ter matado Andrea. Ela se propõe a desmascará-lo. Ernesto invade a casa de Margarida e desperta a atenção de Elton.

Quinta, 02 de Fevereiro: Cleber afirma que o dinheiro da loteria é amaldiçoado

Elton procura a fonte do barulho na casa de Margarida. Ernesto e Elton lutam pela posse da arma e tiros são disparados. Elton pede por Socorro, mas Ernesto consegue fugir. Severino e Divina ouvem os tiros e ela fica preocupada com o que pode ter acontecido com Ernesto. Elton informa Margarida de que Ernesto invadiu sua casa e ela chama a polícia. Elton fica com a impressão de que acertou um tiro em Ernesto. Ernesto vai até a casa de Severino e diz que foi ferido de raspão. Severino fala que ele precisa sair do condomínio.

Elton instiga Margarida a pensar que Ernesto tinha a intenção de matá-la a mando de Divina. Daniel acusa Ernesto de estar armando junto com Elton. Severino diz que Ernesto estava tentando proteger a todos. Elton mente para a polícia dizendo que Ernesto estava armado. Jaqueline e Daniel pressionam Severino para entregar Ernesto à polícia, mas ele nega. Margarida avisa Carlos sobre o ocorrido. Carlos afirma que ainda acredita ser Elton o assassino. Cleber diz a Francisco que tem raiva da turma do bolão por ter faturado o prêmio e garante que aproveitaria melhor o dinheiro. Cleber afirma que o dinheiro da loteria é amaldiçoado.

O ex-policial diz que foi um deles quem matou Ivan e afirma que haverá mais mortes. Guilherme e Zizi temem que Francisco seja morto. Eles comentam que o pacto da turma do bolão devia ter sido desfeito antes de provocar tanta tragédia. Nelize obriga Marcolino a ir embora com ela e aconselha Edmundo a fazer o mesmo. Francisco fala para Cleber que ele foi usado por Regina e que ela é culpada por todo o mal que assola a turma do bolão. A polícia revista as casas do condomínio. Edmilson concorda com Severino que eles precisam se unir contra Elton. Daniel tenta convencer Jaqueline a entregarem Ernesto.

Divina diz a polícia que Elton está tentando prejudicar Ernesto. Severino se recusa a deixar a polícia revistar sua casa sem um mandato. Margarida questiona Elton sobre a posse da arma e ele afirma que comprou o objeto para protegê-la. Augusta se propõe a ajudar Ernesto, mas Raimundo diz que o entregará a polícia. Augusta ameaça admitir que seus documentos são falsos e perder tudo se ele fizer isso. Divina pede que Daniel dê um voto de confiança a Ernesto. Ernesto diz que irá se entregar, mas Divina o impede.

Severino garante que Carlos poderá ajudá-lo. Lucas fala para Juliana que contratou uma lancha para levá-los até a ilha à procura de Francisco. Lucas afirma que quer vingar a morte de Andrea. Patrícia sonha com Francisco e chora. Ernesto se prepara para fugir.

Sexta, 03 de Fevereiro: Patrícia fica emocionada ao ver Miguel

Ernesto teme ser pego ou morrer. Severino diz que falta pouco tempo para executarem o plano. Carlos atira no transformador e deixa todo o condomínio no escuro. Ernesto aproveita e tenta fugir. Jaqueline fala para Divina que se algo acontecer a Severino, jamais a perdoará. Daniel afirma que Ernesto invadiu a casa de Margarida para matá-la. Elton diz a Margarida que o apagão é uma estratégia para Ernesto escapar. José fala para Raimundo que Augusta deve ter cuidado para não ser a próxima vítima de Regina.

Elton vai atrás de Ernesto e se depara com Severino. O dono do restaurante o acusa de ter matado Andrea e diz que ele irá pagar. Elton ameaça atirar em Severino, mas Carlos chega. Severino pede que Carlos mate Elton, que finge não ter tentado atirar nele. Patrícia desperta do coma. Francisco pede a Cleber que ligue para Regina para ter noticias de Miguel, mas o sequestrador nega. Patrícia pergunta por Miguel e a médica assegura que seu filho está bem. Patrícia diz a Regina que acordou porque Francisco a pediu. Divina fala para Margarida que Elton matou Andrea, mas ela questiona por que Severino está do lado de Ernesto.

Elton afirma que não tentou atirar em Severino. Margarida se revolta contra os amigos e Carlos afirma que todos estão apenas tentando ajudar. Patrícia diz a Regina que a visita de Francisco não foi um sonho. Lucas tem um pesadelo com Andrea morta e acorda perturbado. Ele diz a Juliana que não se conforma com a morte de Andrea. Margarida fica chateada com a desconfiança de Severino. Severino diz a Divina que Daniel e Jaqueline têm razão em estarem revoltados com o apoio do pai a Ernesto. Severino sugere que Divina durma em sua casa para levar adiante a aproximação com os filhos. Para satisfação de Severino, Ernesto fica irritado com o fato de Divina dormir na casa de seu ex-marido. Patrícia telefona para Rita atrás de notícias de Francisco.

Ela afirma que as ilhas já foram vasculhadas e o milionário não foi encontrado. Edmundo não conta para Patrícia que Nelize levou Marcolino embora. Cleber diz a Francisco que fará uma visita a Miguel. Já desamarrado, Francisco joga café quente no capanga de Cleber e desarma o ex-policial. Francisco aponta a arma para Cleber e ameaça entregá-lo para a polícia. Cleber provoca Francisco e pergunta se ele tem coragem de matá-lo. O capanga ataca Francisco e a arma é disparada. Patrícia fica emocionada ao ver Miguel.

Cleber obriga Francisco a enterrar seu capanga. Na ilha, Juliana fica surpresa ao ver Lucas armado e o aconselha a pensar duas vezes antes de matar Cleber. Severino afirma que Elton não tentará nada contra ele. Divina se mostra preocupada com Margarida. Elton diz a Margarida que eles devem ir para a Bolívia para que ela faça a lipoaspiração sem que a turma do bolão suspeite. Sem serem vistos, Lucas e Juliana encontram Cleber e Francisco. Lucas aponta a arma para Cleber.

0 comentários:

Postar um comentário