Marcadores:

Economista de Araçatuba, SP, alerta aposentados sobre empréstimos

Para os aposentados, as facilidades dos empréstimos ão cada vez maiores. O especialista em economia de Araçatuba (SP), Enrique Mazzei, explica que nada é tão simples do que parece: é necessário ter atenção para não cair em nenhuma armadilha.

As propagandas por toda a cidade dizem que o desconto é direto do benefício do INSS, onde não há consulta no serviço de proteção ao crédito e o prazo do pagamento que é de 60 meses. Com as facilidades, muitos aposentados e pensionistas acabam recorrendo para o empréstimo consignado.

A "sedução" dos anúncios é maior ainda, chegando para a taxa máxima de juros de 2,34% para 2,14%. Essa redução é uma forma de incentivo para o consumo. Mas, segundo o especialista, antes de fazer qualquer empréstimo e gastar excessivamente, os aposentados devem realizar um planejamento. “Os consumidores devem pesquisar os juros oferecidos pelas financiadoras, analisando com cautela se as prestações não ultrapassam 30% do orçamento”, diz Mazzei.

Outra dica para os aposentados é recorrer ao empréstimo só em caso de extrema necessidade, como ocorreu com a aposentada Maria Emaculada Ribeiro que financiou R$ 4 mil para pagar alguns exames. “Mas eu tive uma surpresa quando vi que a empresa está cobrando mais do que combinamos, como tenho uma cópia do contrato entrei com uma ação e estou questionando o banco”, relata Maria.

Segundo a diretora do Procon de Araçatuba, Ellen Granjeiro, as reclamações desse tipo de serviço são frequentes Os consumidores devem saber o valor correto e a quantidade das parcelas. “Para isso, o consumidor deve procurar uma instituição de confiança e entender o contrato antes mesmo de fechar o negócio. Sem contar que a segunda via do documento deve ficar com o aposentado ou pensionista”, finaliza Ellen.

0 comentários:

Postar um comentário