Marcadores:

Ganso elogia postura corintiana, mas confia na classificação à final

Recuperado de uma artroscopia no joelho direito, o meia Paulo Henrique Ganso foi a principal novidade do Santos para o jogo de ida das semifinais da Copa Libertadores da América, diante do Corinthians, na noite dessa quarta-feira, na Vila Belmiro. Apesar de ter atuado durante os 90 minutos, o camisa 10 não conseguiu evitar a derrota, mas acredita que a postura tática do adversário foi determinante para o resultado alcançado pelo rival no "alçapão" santista.

"Faltou achar o gol. Nós até conseguimos encontrar alguns espaços em bolas com o Borges e com o Neymar, mas o gol não saiu. E também não podemos tirar os méritos do Corinthians, que se postou muito bem defensivamente", afirmou Ganso.

Mesmo com a desvantagem, o meia não desanima e acredita na classificação do Santos. Para que isso aconteça, o time praiano precisa ganhar por 1 a 0 para levar a decisão da vaga a disputa às cobranças de pênaltis, na próxima quarta, no Pacaembu. Se o Santos vencer por um gol de diferença, porém, desde que balance as redes adversárias por duas ou mais vezes (2 a 1, 3 a 2, 4 a 3, etc), também sairá classificado de São Paulo.

Na visão de Paulo Henrique Ganso, a ausência do atacante Emerson Sheik, expulso na primeira partida entre as duas equipes, poderá ser um trunfo a mais para a classificação santista. "Temos que trabalhar e nos prepararmos melhor. O Corinthians perdeu um de seus melhores jogadores, e temos tudo para reverter lá", concluiu.

0 comentários:

Postar um comentário