Marcadores:

Macaulay Culkin nega que esteja viciado em heroína e analgésicos

Em comunicado enviado ao site "TMZ" nesta quarta-feira (1), o ator Macaulay Culkin negou que seja viciado em heroína e poderosos analgésicos.

De acordo com o comunicado, a notícia é "impossível e ridiculamente fictícia".

"Nós suplicamos aos veículos da mídia que considerem a fonte da notícia e sua reputação e não perpetuem essa história destrutiva e ofensiva", diz o texto enviado pela assessoria do ator.

Entenda o caso:

Em entrevista ao site "Radar OnLine", um amigo de Macaulay Culkin afirmou que ele estaria viciado e correndo risco de morte: "Ele é viciado em heroína, oxycodone, Percocet e Vicodin. Eu testemunhei seu uso de drogas, que aumentou tanto no último ano e meio que ele precisa de ajuda imediatamente. Seus amigos mais íntimos temem que ele tenha uma overdose ou que seu coração venha a explodir. Se não tiver ajuda, ele pode estar morto em seis meses", disse o rapaz, sem revelar sua identidade.

O ator gastaria cerca de US$ 6 mil por mês comprando as drogas e teria intensificado o uso após o fim do seu relacionamento com a atriz Mila Kunis.

No começo do ano, Macaulay Culkin, famoso após estrelar o filme "Esqueceram de Mim" em 1990, causou preocupação ao aparecer visivelmente magro e com uma aparência envelhecida.

0 comentários:

Postar um comentário