Marcadores:

Cruzeiro e Vasco perdem chances claras e ficam no 1 a 1 em Varginha

Teve de tudo em Varginha na tarde deste domingo: discussões entre os jogadores, reclamações com a arbitragem, muitas chances perdidas, polêmicas... até gol contra. Só faltou mesmo um vencedor. Cruzeiro e Vasco bem que tentaram, mas não passaram de um empate em 1 a 1 pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro no estádio Dilzon Melo, o Melão.

Os dois gols da partida foram marcados por jogadores vascaínos. O zagueiro Renato Silva, que não atuava há 75 dias por causa de problemas burocráticos envolvendo sua transferência definitiva da China para o Brasil, fez contra para o Cruzeiro. O empate veio com o volante Nilton após falha de Fábio.

Com a igualdade no placar, o Vasco, que teve a estreia do técnico Marcelo Oliveira, chegou aos 43 pontos e se manteve por mais uma rodada como o último time na zona de classificação para a Libertadores. Já o Cruzeiro segue em oitavo, com 35, e longe do G-4 do Brasileirão.

- Resultado injusto. Começamos bem o primeiro tempo, tivemos chances de gol, mas agora é levantar a cabeça - disse o cruzeirense Élber após o apito final.
Já o vascaíno Wendel, apesar de também ter lamentado o empate, considerou o resultado em Varginha justo.

- Eu diria que foi um placar justo, é uma pena porque dava para encostar mais, os adversários tropeçaram, não fizemos nosso dever. Vamos tentar fazer uma arrancada de três ou quatro vitórias e, quem sabe, se eles continuarem tropeçando, a gente pode encostar - afirmou o meia.

Os mineiros voltam a campo no próximo domingo para enfrentar o São Paulo, às 16h (de Brasília), no Morumbi. O clube da Colina, por sua vez, vai até Campinas encarar a Ponte Preta nos mesmos dia e horário.

0 comentários:

Postar um comentário