Marcadores:

Liga Europa: Inter de Milão passa por aperto, mas consegue empate nos acréscimos



Estreando no Grupo H da Liga Europa em casa nesta quinta-feira, o Inter de Milão quase foi surpreendido pelo Rubin Kazan, que foi superior na maior parte do tempo, mas permitiu o empate dos italianos nos acréscimos. Pelo Inter estiveram em campo os brasileiros Coutinho e Jonathan, que fez o pênalti que gerou o primeiro gol dos russos. Na outra partida do grupo, Partizan, da Sérvia, e Neftchi, do Uzbequistão, empataram em 0 a 0.

Aos 17 minutos do primeiro tempo, Jonathan derrubou Natcho dentro da área. O próprio meia bateu, mas o goleiro Handanovic defendeu. No rebote, Ryazantsev abriu o placar. O brasuca teve uma chance para compensar o pênalti aos 36. O lateral recebeu bola na área de frente para o gol, mas ao invés de tentar o chute direto, decidiu dominar a bola, o que permitiu que a defesa rival se recuperasse e impedisse o gol.
O Internazionale, aos 39 minutos, deixou tudo igual. Cassano, com ótimo passe por trás da defesa, encontrou Cambiasso, que driblou o golerro e cruzou para Livaja, que sem muito equilíbrio conseguiu cabecear para o gol. Pouco antes do intervalo, o time italiano contou com a sorte. Ryazantsev quase fez seu segundo gol, mas a bola parou na trave.
Na segunda etapa, os russos voltaram a ficar à frente no placar aos 38 minutos. Em rápido contra-ataque, o venezuelano Rondón passou por Ranocchia e tocou no canto esquerdo do goleiro do Inter. Nos acréscimos, aos 47, Diego Milito, acostumado a posicionar-se dentro da área para concluir as jogadas, saiu um pouco de seu "habitat natural" e fez o cruzamento para o japonês Nagatomo, que chutou de primeira e deu números finais ao confronto.
Sporting também empata
Pelo Grupo G, os portugueses receberam o Basel, que na temporada passada chegou às oitavas de final da Liga dos Campeões, e não conseguiram furar a retranca suíça, em um empate sem gols. Já o Genk teve mais sorte e venceu o Videoton, da Hungria, por 3 a 0.

0 comentários:

Postar um comentário