Marcadores:

"Avenida": Carminha é a assassina de Max; novela bate recorde de audiência


Na noite desta sexta-feira (19), chegou ao fim a novela "Avenida Brasil".

O primeiro bloco mostrou a resolução do sequestro de Tufão (Murilo Benício). Conforme o NaTelinha já havia publicado, Carminha (Adriana Esteves) atirou no capanga de Santiago (Juca de Oliveira) e logo depois atirou no pé do pai impossibilitando a fuga do vilão.


Logo depois, a loira se declarou para o ex-marido: "Eu te amei, gostava de ter uma família. Você me fazia feliz como eu nunca tinha sido antes e como eu nunca vou ser nessa vida", desabafou.

Ao se despedir de Jorginho (Cauã Reymond), a vilã, chorando, disse: "Você foi a única coisa boa que eu fiz na vida". Logo em seguida ela foi presa.

Um dos momentos mais esperado da novela foi a grande revelação de "quem matou Max?".


Em depoimento, Carminha confessou: "Quem matou o Max fui eu". O delegado seguiu relatando tudo o que aconteceu na briga dentro da casa de Lucinda (Vera Holtz). Lúcio assumiu ter brigado com Max e Ivana deu uma coronhada no marido: "Mas eu não matei o Max". Muricy explicou o fato das suas digitais estarem gravadas na arma: "Eu quis proteger minha filha".

O delegado seguiu no relato dizendo que a faca que feriu Max continha restos de sangue e Janaína se revelou: "Fui eu quem feri com a faca. Mas eu não matei o Max. Eu fugi e ele ficou com a faca".

A revelação verdadeira veio em seguida: "Eu que estava lutando com o Max quando a Nina acordou", disse Carminha. "Acabou Max", disse, logo depois matando o ex-amante.

Lucinda ao ver o filho morto pediu para a vilã fugir e assumiu a culpa no seu lugar. A catadora saiu da prisão após a confissão da vilã.


Cadinho (Alexandre Borges) não poderia ter outro final. O empresário vai terminar casado com suas três mulheres: Noêmia (Camila Morgado), Alexia (Carolina Ferraz) e Verônica (Débora Bloch).

Elas desistem da vida de luxo proporcionada por Jimmy (Felipe Abib) e resolvem voltar para o marido falido no Divino. O casamento será de forma bem simples: Bolas em formato de coração decoram o salão de festas do Divino Futebol Clube, da entrada ao altar improvisado.

Após uma passagem de tempo Carminha é solta. Lucinda foi buscar ela, que estava morena. Ela voltou a morar no lixão, na casa da catadora: "Se você deixar é aqui que eu vou ficar. Meu lugar é aqui".
Também foi revelado que Nina estava grávida de Jorginho.


Ainda no capítulo final foi revelado o segredo de Adauto (Juliano Cazarré): ele usa chupeta. Olenka foi atrás do jogador do time adversário que cochichou no ouvido de Adauto durante um jogo do Divino, e ele acabou perdendo o pênalti.

O atleta Ceará revela que foi amigo de Adauto na escola e que o apelido dele era Chupetinha. Olenka fica espantada ao descobrir que o rapaz ainda chupa chupeta: "Adaulto chupetinha" era o apelido dele.


Outro momento marcante da novela foi Carminha ter voltado a catar lixo. No lixão, ela recebeu a visita de Nina e Jorginho e o neto. Carmem Lúcia ficou emocionada ao pegar o neto no colo. Logo depois ela preparou um almoço para o casal: "Está uma delícia", disse Jorginho.

Carminha e Nina tiveram uma conversa franca, emocionada e se desculpam por tudo que uma fez pela outra. Nina e Jorginho apresentam a Carminha o filho deles. Chorando, a vilã dá um abraço em Nina.

Os momentos finais foram marcados por um almoço na casa de Tufão e um brinde ao Divino. Também o grande jogo do time Divino que consagrou a vitória com o gol final de Adauto.
Fim.

Audiência
No ar entre 21h11 e 23h, o último capítulo de "Avenida Brasil" bateu seu recorde, registrando 51 pontos de média, pico de 54 e 72% de share, segundo dados prévios do Ibope na Grande SP.

No mesmo horário, o SBT ficou em segundo lugar com 4 pontos e a Record em terceiro com 2,5.

0 comentários:

Postar um comentário