Marcadores:

Camp. Carioca (Semifinal Taça Guanabara): Botafogo quebra escritas, bate o Fla por 2 a 0 e vai à final da Taça GB

 


Uma vitória implacável do primeiro ao último minuto. Assim foi, de forma emocionante, o triunfo do Botafogo sobre o Flamengo por 2 a 0, neste domingo, no Engenhão. Com um gol de Julio Cesar logo no lance inicial e de Vitinho no fim (aos 48), o time alvinegro garantiu vaga na final da Taça Guanabara e quebrou um jejum de quase três anos sem vencer o rival. Os último triunfo havia sido conquistado em 18 de abril de 2010, no 2 a 1 da cavadinha de Loco Abreu que garantiu a Taça Rio e o título carioca no Maracanã.

Ainda por cima, essa vitória é a primeira sobre os rubro-negros no Engenhão, justamente no dia do aniversário de Zico, que completou 60 anos. O "presente" para o ídolo rival teve a assinatura de vários personagens importantes. Além dos autores dos gols, outros dois não podem ser esquecidos: o goleiro Jefferson, que além das grandes defesas puxou o contra-ataque para o segundo gol, de Vitinho. E o camisa 10 Seedorf, que com experiência comandou a equipe nos momentos mais críticos na partida.

A torcida alvinegra que compareceu ao Engenhão - cuja renda foi de 831.380,00, com público pagante de 17.554 pessoas e presente de 21.545 - já começara o domingo feliz por conta dos juniores, que eliminaram também o Flamengo na fase semifinal da Taça Guanabara, mais cedo, na Gávea. Depois, saiu de campo eufórica com a boa atuação do time. O goleiro Jefferson também não escondia a empolgação, e mandou um recado.

- O Botafogo não pode se contentar com o vice. Vamos brigar para sermos campeões.
A torcida rubro-negra, que chegara ao Engenhão fazendo festa para Zico - levou máscaras com o rosto do ídolo e bandeiras com mensagens -, saiu com a certeza de que o time precisa melhorar, e muito, para brigar pelo título. Agora, ao Flamengo só resta a Taça Rio para ter esperanças de chegar à decisão do Campeonato Estadual. O time não perdia desde 10 de outubro, quando foi derrotado por 3 a 2 pelo Corinthians, no Campeonato Brasileiro.

O lateral Léo Moura pede ao time que não se abata com a derrota e considerou o goleiro Jefferson o grande responsável pelo resultado.

- Tivemos chances de empatar e até virar. Mas o goleiro deles estava em uma tarde muito inspirada. Agora é trabalhar para o segundo turno.

1 comentários:

  1. meninna floor disse...:

    Amo esportes,mas jogo é jogo um dia ganha outro perde
    se tiver tempinho da uma passadinha la no meu cantinho
    http://midianmulata.blogspot.com.br/

Postar um comentário