Marcadores:

Eliminatórias - América do Norte e Central: México e EUA empatam, e Panamá assume a liderança na Concacaf

Quando necessário, o goleiro Gozan apareceu bem e sustentou o 0 a 0 no estádio Azteca
Considerados favoritos absolutos para duas das três vagas das eliminatórias da Concacaf para a Copa do Mundo de 2014, México e Estados Unidos empataram por 0 a 0 na noite desta terça-feira (já madrugada de quarta no Brasil), pela terceira rodada do hexagonal final, no estádio Azteca, na Cidade do México.
 Com o tropeço dos dois, Panamá assumiu a liderança ao derrotar Honduras por 2 a 0, deixando 
americanos na terceira colocação e os mexicanos na quinta, provisoriamente fora da zona de classificação. Quem está em segundo lugar é a Costa Rica, vitoriosa diante da Jamaica, também por 2 a 0.

Panamá tem cinco pontos. A Costa Rica vem logo atrás com quatro, ao lado dos EUA e Honduras, mas em segundo lugar por causa do saldo de gols (tem 1, contra 0 dos americanos e -1 dos hondurenhos). O México soma três pontos, apenas um à frente da lanterna Jamaica.

A próxima rodada das eliminatórias acontecerá apenas em junho. O México tentará a reabilitação em um embate duríssimo, justamente contra os líderes panamenhos, fora de casa. Os EUA também viajam, para enfrentar a lanterna Jamaica.

 A equipe mexicana tentou se aproveitar do apoio de sua apaixonada torcida e buscou o ataque com intensidade desde o início, mas esbarrou no forte bloqueio defensivo dos visitantes durante o primeiro tempo e não conseguiu ameaçar a meta defendida por Brad Guzan. Giovani dos Santos e Chicarito eram muito bem marcados pelos comandados do alemão Jürgen Klinsmann.

O panorama da etapa final não se alterou, com os mexicanos sempre tomando as iniciativas e buscando a pressão. Apesar da insistência, os anfitriões pouco criavam, deixando para o quarto final da partida os momentos de maior emoção. Aos 23, Zaballa chutou da entrada da área, a bola bateu na zaga americana e por muito pouco não foi morrer no canto esquerdo de Guzan. Aos 26, Giovani dos Santos fez bela jogada pela direita e cruzou para Reina, mas o atacante foi bloqueado na hora de concluir, em outra boa chegada mexicana.

Aos 30, Javier Aquino recebeu na área e, na hora da conclusão, foi bloqueado por Edu Maurice, em lance que os locais pediram pênalti. Os últimos minutos foram marcados por bolas alçadas a área, sempre afastadas pela boa defensiva americana. Aos 47, o México teve a melhor chance, mas Guzan fez grande defesa após arremate de Reina, garantindo o 0 a 0 no estádio Azteca.

 Panamá faz gol logo no início e deixa jogo tranquilo

Em casa, a seleção do Panamá não teve muitos problemas para bater Honduras por 2 a 0 e pular para a primeira colocação. Luis Tejada, aos dois minutos de jogo, e Blas Perez, aos 30 da segunda etapa, garantiram a vitória.

Também em casa, Costa Rica derrotou a Jamaica por 2 a 0 com gols de Michael Umana, aos 22 de jogo, e Diego Calvo, aos 37 do segundo tempo.

0 comentários:

Postar um comentário